20 de abr de 2011

Araruama adere à campanha de vacinação contra a gripe

(20.04.11) – A partir de segunda-feira, idosos com mais de 60 anos, crianças na faixa etária de seis meses a dois anos incompletos e gestantes devem procurar os postos de saúde para participar da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Influenza, lançada pelo Ministério da Saúde. Em Araruama, 13 locais estarão funcionando como postos de vacinação:
- Posto de Saúde da Família de Iguabinha, Praia Seca, Morro Grande, Parque Mataruna, Fazendinha, São Vicente, Sobradinho, Itatiquara e Ponte dos Leites
- Postos de Saúde do Jardim Califórnia e Paracatu
- Centro Integrado Materno Infantil
- Secretaria Municipal da Terceira Idade e Desenvolvimento Social
Segundo o Ministério da Saúde, a meta é imunizar 80% da população alvo, o que representa cerca de 23,8 milhões de pessoas em todo o país. Somente no Estado do Rio de Janeiro a expectativa é que cerca de 2 milhões de pessoas sejam vacinadas até o dia 13 de maio. Para alcançar esta meta, no próximo dia 30 acontece, em todo o país, o Dia D de Mobilização Nacional. “Neste dia nossos postos estarão atendendo ao público alvo da campanha no horário das 8 às 16 horas”, informou Ilma Terezinha Teixeira, coordenadora de Saúde Coletiva em Araruama. A vacina é gratuita, e protege contra os três principais vírus que circulam no hemisfério sul, entre eles o da influenza A (H1N1), também conhecida como “gripe suína”.
- É muito importante que nossos idosos, nossas gestantes e nossas crianças sejam imunizados. Não podemos permitir que vidas se percam por falta de cuidado tão simples, que é vacinação – convocou o prefeito André Mônica.
Segundo o Ministério da Saúde, o público alvo da campanha foi definido com base em pesquisas que revelam que idosos, crianças e gestantes são mais suscetíveis às complicações que podem ser causadas pela influenza (pneumonias bacterianas ou agravamento de doenças crônicas já existentes, como diabetes e hipertensão). “E a única forma de prevenção, é vacina”, explicou Ilma.
-A vacina é segura e não oferece qualquer risco. Em algumas pessoas ela pode causar reações leves como dor e sensibilidade no local da injeção, mas nada que justifique a ausência na campanha – esclareceu a coordenadora, lembrando que “somente pessoas alérgicas a ovo estão proibidas de tomar a vacina, mesmo que façam parte do grupo de risco”.
Para idosos e gestantes, a vacina é aplicada em dose única. Mas, para as crianças, a dose é divida em duas aplicações: a segunda será 30 dias após a primeira. “É fundamental que as crianças tomem as duas doses para que a vacina faça efeito” – esclareceu Ilma.

0 Carinho de amigos(as):

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

DesinArtes, minha loja VIRTUAL! Confira!