8 de mar de 2011

"BLOCO DAS PIRANHAS 2011": sucesso total em Araruama

O evento este ano contou com mais de 50 mil foliões.  Araruama como sempre parou com o tradicionou Bloco das Piranhas.  Pais e mães levaram seus filhos para brincar, foliões fantasiados alegraram o bloco, onde só houve diversão, música e muitas brincadeiras.
Aqui, irei destacar algumas fotos, que merecem o nosso maior aplauso...

 Fotos: Patrícia Moreira


"História do BLOCO DAS PIRANHAS"
Criado em 1981, o “BLOCO DAS PIRANHAS” surgiu por iniciativa de um grupo de amigos voltados a divertir-se e animar um pouco o carnaval de nossa pequena cidade.
Inicialmente concentravam-se em frente ao antigo “CLUBE DE XADREZ DE ARARUAMA”, e, após alguns anos, passando a se reunirem na PRAÇA GETÚLIO VARGAS.

Já em seu primeiro evento, por brincadeira, foram distribuídos 200 (duzentos) litros de batida de limão, que eram artesanalmente confeccionados no quintal da casa de seu principal fundador, EDUARDO MAGNO VALLADARES, mais conhecido como “Dadinho”.
Caindo como uma luva no gosto popular, a evolução e o crescimento do evento se
deram de forma rápida e natural.
Já em 1984, os preparativos do BLOCO passaram a ser realizados no campo do “UNIÃO ESPORTE CLUBE”, e lá permanecendo até que, em 2006, a organização do BLOCO preferiu migrar para o CLUBE CAMPESTRE DE ARARUAMA.
Hoje o “BLOCO DAS PIRANHAS”, consagrado como o maior evento de rua de Araruama, e um dos maiores de toda a Região dos Lagos, já faz parte do Calendário de Eventos do Município, atualmente atraindo cerca de 50.000 (cinqüenta mil) foliões, dentre homens, mulheres, crianças e idosos, seja a caráter ou não.
Independentemente de prévio anúncio, o público, que se dirigia à Praça Getúlio Vargas, atualmente se reúne na PRAIA DO CENTRO, em frente à PRAÇA ANTÔNIO RAPOSO, no coração da Cidade, sempre na segunda-feira de carnaval, por volta das 16:00h, para a concentração do Bloco, na espera do “caminhão da cachaça” e do trio elétrico.
Os duzentos litros da batida de limão multiplicaram-se e, atualmente, atingem os
5.000 (cinco mil) litros distribuídos em caminhão pipa. 
O som, que já foi gerado por um simples alto falante no teto de um carro, passando por bateria de samba própria, hoje é propagado através de trios elétricos de médio e grande porte, e animados por grupos musicais famosos em nossa região.
O modo artesanal com que o “BLOCO DAS PIRANHAS” vinha sendo feito, hoje já não atende sua necessidade, sendo necessária uma demanda de mão-de-obra em torno de 20 (vinte) pessoas diretamente destacadas apenas para o preparo e distribuição da bebida.
Os abadás, inicialmente confeccionados para homenagear seu principal fundador, DADINHO, em razão de seu falecimento em 14/06/2001, hoje são disputadíssimos, já que integram ao evento aqueles que preferem brincar sem se transvestir, e ainda ajudam a custear o evento.
A organização do “BLOCO DAS PIRANHAS” vem se empenhando em fazer da festa uma grande reunião de pessoas alegres e descontraídas, imbuídas do espírito de humanidade, amizade, confraternização e, acima de tudo, respeito. 
A organização do “BLOCO DAS PIRANHAS” prioriza um evento eclético, onde possam se congraçar todos os sexos, tipos e raças, independente de qualquer condição, mas acima de tudo queremos a presença das famílias curtindo o mais puro e tradicional carnaval de rua.
Como dizemos: “Nosso bloco é das piranhas, mas das piranhas de família”.
Desse modo, fica aqui nosso apelo, aos participantes para que venham carregados de amor no coração, e nosso agradecimento, aos que fazem do nosso evento uma verdadeira festa de amor, alegria, paz e fraternidade.
Digam NÃO À VIOLÊNCIA e bebam COM MODERAÇÃO.
Atenciosamente,
Eduardo Valladares
(Organizador)


PS.: Você saiu em algum bloco fantasiado, tem fotos ou vídeos? Mande para patrimoreira@gmail.com , que iremos eleger a melhor foto deste carnaval.

0 Carinho de amigos(as):

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

DesinArtes, minha loja VIRTUAL! Confira!